Faz algum tempo que venho escrevendo aos poucos no celular este texto, dentre os breves momentos sozinhos. Que são bem poucos. Mas não é a primeira vez que faço isso, outros textos foram escritos desse modo ao ter alguma ideia que achará interessante.

O motivo é que gosto de produzir conteúdo. Gosto de o fazer quando quero, quando realmente me sinto bem em falar a respeito sobre um determinado jogo ou filme que o tenha visto. O que não aconteceu após eu assistir Homem-Aranha: Sem volta pra Casa, mas fora isso, a sensação de obrigação em entregar algo sempre foi incomoda.

LEIAM – Não importa a plataforma, divirta-se!

Isso fez com que eu me sentisse menos afim de produzir conteúdo, porque não estava jogando nada que me interessava.

Cheguei a cogitar dar um tempo com tudo, até porque o trabalho realmente tem me desgastado muito mentalmente. E quanto aos jogos, nem posso dizer que faltou títulos, pois conto com vários consoles e jogos, então me perguntei?

Reprodução/ Internet

Por que decidimos falar sobre Vídeo Games?

Eu adoro vídeo games e por várias vezes falei sobre como foram muito importantes em minha infância. Porém, enquanto adulto eu percebi que estava buscando reviver um pouco da sensação boa que sentia com os jogos, mas isso não conseguia sentir mais no processo.

Criei um blog, passei a falar sobre jogos velhos, me deparei com pessoas que tinham essa mesma paixão, mas durou pouco. Isso passou. Hoje as coisas mudaram e continuaram sempre mudando, afinal o tempo é implacável com tudo, mas eu quero falar menos e me dedicar mais ao meu filho, até mesmo jogar com ele.

Claramente não deixarei de compartilhar minhas experiências, afinal foi por isso que criei um espaço na internet. E como devem ter notado temos o mais variado tipo de jogo por aqui, e não nos preocupamos em jogar jogos que a massa está hypando.

Simplesmente temos analises de jogos velhos, novos e títulos que certamente o Geovane deve ter se arrependido de ter comprado, mas ele foi lá e o fez, e compartilhou sua experiência conosco.

Mas qual seria a força motora do site, porque continuo falando sobre vídeo games?

Vídeo Games
Foto de Francesco Ungaro no Pexels

Continuaremos!

Graças ao site desenvolvi laços duradouros, alguns poucos amigos e colegas que estão há 10 anos em contato comigo. Ou seja, decidimos falar sobre vídeo games e seus jogos, porque realmente amamos esse hobbie e temos isso em comum.

Não tenho um site popular, de fato, mas assim como o Tony disse recentemente durante uma conversa que tivemos  “fico feliz de produzir conteúdo para os meus amigos, aqueles que importam estão vendo.” ou quase isso, busquei de cabeça a frase. Não poderia concordar mais com ele, pois é basicamente isso que sinto hoje quanto ao site.

Gosto muito quando alguém me procura por e-mail ou mensagens perguntando coisas relacionadas ao site. Isso inspira a continuar. Por isso continuamos o fazendo enquanto temos folego para tal, e agradecemos a todos os amigos, colegas e leitores que tem sido o combustível que nos levou aonde estamos hoje.

São 10 anos produzindo conteúdo da forma mais genuína e sincera possível, e fico feliz de ter amigos ao meu lado contribuindo para isso.

Com isso eu quero apenas dizer: Obrigado, e que 2022 seja um ano muito melhor para todos nós. Que todos nós possamos nos tornar pessoas melhores.

Author: Diogo Batista

Criador e Editor-Chefe do Arquivos do Woo, é um eterno rabugento. Opta por investir seu tempo entre games, filmes, livros e sua família à perder tempo discutindo na internet.