Mortal Kombat O Filme ganhou seu primeiro trailer oficial e chamou muito a minha atenção.

Como um fã da franquia e apreciador do primeiro filme de 1995, além do divertido e horroroso filme de 1997, eu decidi falar um pouco sobre minhas impressões do trailer. Claro, sei que essa didática funciona muito melhor nos dias de hoje em canais de YouTube, mas cá estou.

Retomando, Mortal Kombat ganhou um reboot que estreia no dia 16 de Abril e que aparentemente deixa de lado a cafonice dos anos 90 e se aproxima da realidade. Não muito, afinal é um filme baseado em um game.

É MORTAL KOMBAT

E com direito a toda a violência visual que os fãs sempre quiseram ver na telona. São quase três minutos que realmente podem deixá-los empolgado, mas se consegue elevar nossa expectativa por conta do aspecto visual,  será que seu enredo não?

Esse novo filme  traz como protagonista, Cole, um lutador de MMA que nasceu com o símbolo do torneio. Quase um Choose One. Um mero pretexto para assistirmos os personagens que gostamos trocando sopapos e se matando.

LEIAM – RESIDENT EVIL | Será que os filmes são ruins?

Obviamente que ele será conduzido para o torneio de Shang Tsung, e aparentemente terá uma forte ligação com o Scorpion ou não, que aparece bastante, inclusive notei uma cena no espelho em que Cole olha e vê o ninja amarelo. Ou talvez ele mesmo vestido de ninja, como um fetiche do personagem, tantas dúvidas. Brincadeiras, OK.

Shang Tsung está mais jovem no filme, o que pode remeter a uma ordem cronológica diferente do que estamos acostumado. Ou, que andou sugando muitas almas antes de convocar o torneio. De qualquer modo, depois que Mortal Kombat 11 brincou com a linha de tempo, sabemos que um filme poderia explorar muitos elementos que foram apresentados e usar a seu favor.

O PÚBLICO E O FAN SERVICE

Mortal Kombat 2021
To curioso para entender essa roupa do Cole

O filme tá repleto de fan service pelo que pude perceber no trailer, e olhando pelo fato de que não deve ter um orçamento muito grande, creio que acertaram na escolha de um personagem para apresentar ao publico geral do que se trata o filme e como funciona aquele universo.

Eles estão olhando para o publico gamer mas sem esquecer do resto do mundo e isso é uma decisão acertada, apesar de dificil afirmar se baseando em um só trailer. O que nos resta é torcer para que o filme consiga ir além da boa caracterização dos personagens. Mesmo eu não curtindo o Reptile, que é uma iguana humanoide.

“Ah, mas não tem um monte de gente suada e com músculos saltando as camisa” Calma, não é assim também.

Calma, o que importa aqui é tudo funcionar bem com este universo e respeitarem suas próprias regras apresentadas.

CONCLUSÃO

Sou um fã da franquia, mesmo jogando relativamente mal, mas gosto demais de tudo que é relacionado. Tem as tosqueiras que foram feitas ao longo dos anos, mas de fato eu acredito que talvez possam acertar com esse novo filme. Espero.

Sabemos que normalmente adaptações não entregam tudo o que realmente queríamos, mas se conseguir se aproximar disso é um feito. Diabos, temos um Goro todo digital e até mesmo Kabal e Mileena, eu acho que isso pode dar bom se o roteiristas fizeram a lição de casa. com os games

Entendendo que não tenho problema algum em reconhecer que o filme foi uma grande merda, se realmente o for, mas é sempre legal ver algo “grande” baseado em um game mais fora da curva.

Eu fiz uma thread bacana no twitter com o que encontrei no trailer do filme, confiram:

 

OBS: Há grandes nomes do gênero de ação, mas deixei para falar sobre eles depois de ver o filme.

 

 

Author: Diogo Batista

Criador e Editor-Chefe do Arquivos do Woo, é um eterno rabugento. Opta por investir seu tempo entre games, filmes, livros e sua família à perder tempo discutindo na internet.