Descobra uma perturbadora aventura inspirada no universo de Eldritch que combina desafiadores combates com mecânicas souls-like e uma narrativa não tradicional.

Elden: Path of the Forgotten, um dos destaques indie dos eventos digitais deste verão, lançou hoje no Nintendo Switch (link) e amanhã na Steam (link) por US$ 15,99 / €15.99 / R$ 30,99 (Steam brasileira), e no serviço Utomik de assinatura de jogos para PC (link).

Criado pelo desenvolvedor solo australiano Dylan J. Walker (Onerat Games) e publicado pela Another Indie, a editora por trás de títulos de terror aclamados como Yuppie Psycho e a série SIMULACRA, Elden: Path of the Forgotten guia os jogadores por uma missão em uma terra destruída para salvar a mãe de Elden de horrores antigos.

LEIAM – Power Rangers: Battle for the Grid | Review

Elden: Path of the Forgotten faz parte de uma onda de jogos clássicos de estética 8 e 16 bits, como Hyper Light Drifter e Children of Morta, e foi descrito como “mais sombrio e perturbador que Salt & Sanctuary ou Titan Souls” por Fraser Brown da PC Gamer.

Elden é uma jornada sombria, intrigante e requintada através da psique do desenvolvedor que convida os jogadores a descobrir a narrativa do jogo por si mesmos por meio da observação do entorno e da música.

CARACTERÍSTICAS

Explore um mundo enigmático e assustador que combina desafio com uma narrativa visual única.

Domine uma variedade de armas em batalhas impressionantes contra criaturas do universo Eldritch.

Controle poderes sobrenaturais com feitiços terríveis e extraordinários.
Corrompa sua sanidade com uma linda trilha sonora minimalista e intrigante.

Seja seduzido pelas trevas, confiram o trailer:

Author: Diogo Batista

Criador e Editor-Chefe do Arquivos do Woo, é um eterno rabugento. Opta por investir seu tempo entre games, filmes, livros e sua família à perder tempo discutindo na internet.