The Legend of Zelda: Ocarina of Time Perfect Edition| Um mangá que valeu a pena - Arquivos do Woo

The Legend of Zelda: Ocarina of Time Perfect Edition| Um mangá que valeu a pena


No meu atual emprego, aos finais de semana o ritmo cai ao ponto de ser possível ler um livro tranquilamente. Por essa razão criei o habito de sempre carregar comigo seja um livro ou um mangá na mochila, e no plantão passado decidi encarar The Legend of Zelda: Ocarina of Time da Editora Panini. 

Fazia algum tempo que o tinha aqui em casa, mas só havia lido um pouco apenas, então ontem decidi recomeçar do zero e não me arrependi. Me deparei com uma leitura leve e a ótima arte de Akira Himekaya. Foram horas de diversão e situações engraçadas envolvendo Link, e por essa razão decidi escrever a respeito do mangá.

É perigoso ir sozinho, então me acompanhem á Hyrule.

The Legend of Zelda: Ocarina of Time conta com 384 páginas que você vai devorar rapidamente, pelo foi o meu caso. Se trata de uma edição de luxo linda que certamente vai deixar os fãs da franquia com os pelos ouriçados, mesmo custando 29,90 R$. - O que nesse caso eu considero um valor até justo comparado a outros produtos da Editora Panini que estão próximos desse valor.

Perdoem a qualidade das fotos, mas foram tiradas por um Moto G play 4 quebra-galho
Esse mangá é o primeiro de cinco volumes, onde cada um deles engloba um respectivo jogo, no caso começa com: Ocarina of timeThe Minish Cap/ Phantom HourglassMajora's MaskOracle of Seasons/Oracle of Ages e encerra com Four Swords. Como podem ver alguns mangás englobam dois jogos, mas vale citar que ainda conta com histórias extras.

Eu nunca terminei nenhum jogo da franquia Zelda e por isso o mangá acabou sendo muito divertido e surpreendente. Há personagens que conhecia apenas por revistas ou mesmo imagens perdidas pela rede, assim tudo foi se encaixando a medida que avançava na história e eu ficava com aquela cara de OHHH!

Se me perguntasse, eu não saberia apontar o que fez parte da história do jogo ou não, mas há alguns momentos realmente emocionantes e que eu adoraria de vivido jogando o jogo. Como um capitulo em que Link precisa tomar a decisão de tirar a vida de um amigo antigo corrompido pela magia de Ganondorf ou não.

Isso não foi spoiler, né? 

Por outro lado temos momentos onde podemos conferir Link aprendendo a lidar com o peso de ser o Herói do Tempo e a responsabilidade de salvar Zelda. Não só isso, também somos levados a conhecer um pouco mais da história dele e como ele foi parar na vila Kokiri e os bullying que sofria de Mido. Tudo isso contribui para uma maior profundidade do personagem, fazendo com que passemos a gostar ainda mais desse orelhudo.

A edição acompanha um marcador bonitão
Ah, o Skull Kid também tem sua participação na mangá, assim como sua origem também é contada. O que talvez seja novidade para quem ainda não conhecia o universo do jogo ou não pesquisou sobre sua origem, assim como eu. Por sinal se tornou um dos meus capítulos favoritos do mangá, disparado.

Bem, supondo que você já esteja quase tirando o cartão de crédito da carteira, peço que tenha calma;

Infelizmente o primeiro volume do mangá se encontra indisponível no site na loja da Panini, mas os outros volumes ainda podem ser comprados por lá. Claro, se você pesquisar provavelmente vai encontrar o primeiro volume sendo vendido por valores ridículos. 

Eu cheguei a encontrar o primeiro volume custando a bagatela de 119 reais,um preço que não vale, obviamente. Sei que muitos não seguem conselhos, mas recomendo não dar dinheiro para esses idiotas e aguardar pela republicação do titulo.

Essa Perfect Edition é lindona demais.
Creio que não tenha muito o que dizer além de que o mangá pode ser uma ótima porta de entrada para quem gostaria de conhecer a história do jogo de um modo mais dinâmico. 

Os desenhos são bons, me lembrou um pouco aqueles mangás dos anos 80 em certos momentos, talvez isso tenha sido proposital. Outra coisa interessante foi que em dados momentos do mangá eu vi Link sangrar alguns inimigos, o que chamou bastante a atenção pois foi feito de uma maneira bem discreta e não explicita.

O mangá é voltado para todos os públicos, principalmente o juvenil, não podia esperar menos da Nintendo

Por isso te digo que se encontrarem por um bom preço dando sopa, não perca tempo e adquira que vale a pena.Só não sejam burros de pagar 100 reais, né. Ou sejam, o dinheiro é de vocês mesmo. 

Ah,antes que perguntem: NÃO, o artigo não é patrocinado pela Panini. Mas eles levam o meu dinheiro todo mês por causa dos mangás: JoJo's Bizarre, Berserk e One-Punch Man.

0 comentários:

Postar um comentário