Iron Man VR | Jogamos a Demo! (análise) - Arquivos do Woo

Iron Man VR | Jogamos a Demo! (análise)


Voando e atirando

Muita gente esperava um jogo nos moldes do feito para o Aranha, porém a ideia aqui seria toda aplicada com o Playstation VR, acessório caro pro console da Sony, com a premissa de que você realmente se sentiria na pele do Tony Stark. Será que tem como?


Depois que a Sony anunciou a exclusividade de alguns títulos relacionados a personagens da Marvel, tivemos o já clássico Spider-Man para PS4 e também o já divulgado jogo dos Vingadores que ainda carece de data de lançamento.

Além desses, também está em produção um jogo baseado no Homem de Ferro, sendo desde 2008 um dos mais populares da empresa, graças ao ator Robert Dawney Jr. e sua interpretação contínua do personagem que se encerrou recentemente com o fim da Fase 3 da Marvel.




Impulsos e manobras no ar

Na demo (que jogamos durante a Game XP 2019, que você pode ler mais aqui), já começamos em um ambiente oceânico com algumas pedras preenchendo o espaço -- sendo diferente da fase aérea com aviões dos trailers divulgados anteriormente --. Esse lugar mais vazio talvez se deva à limitação do processamento do PS4, que não tem como renderizar cenas muito complexas sem comprometer a taxa de frames durante o uso da realidade virtual.

Na tela, o que vemos é um visor similar ao do capacete do Homem de Ferro visto nos filmes, com o retrato do personagem que está falando, seja Tony, Pepper ou Friday. Os controles são feitos segurando dois Playstation Moves (não sendo possível jogar com o Dual Shock 4), onde cada um representa um braço do herói. Para voar pra cima, devemos posicionar as mãos para baixo e segurar os gatilhos. Esse impulso pode ser feito tanto pra frente quanto pra trás também, porém não é possível usá-lo pra voar pra baixo (o que seria meio estranho) e nem em direções diferentes para cada braço, mas pelo menos você tem controle total do personagem.

Além disso, é possível atirar ao apontar as mãos para frente e apertando um botão. Não sei se a câmera estava mal configurada, mas eu sentia uma certa diferença entre a direção apontada e a posição do braço dentro do jogo. 

Pra finalizar, ainda há um ataque com impulso, onde você deve dar um soco pra frente com as duas mãos ao mesmo tempo segurando um botão, fazendo com que o personagem voe e ataque rapidamente.



Objetivos

Na demo, as missões eram simples. De início, somos ensinados os básicos do voo ao passar por círculos no céu (alô Superman 64!). Como não estou acostumado nem com o jogo e nem com VR, eu QUASE caí no chão por não saber controlar direito o boneco e ainda bati de cara numa pedra, mas depois tudo ficou suave a ponto do responsável pelo estande dizer: "nossa, ele tá jogando melhor do que eu!"

Depois, temos que enfrentar alguns drones, que podem ser derrubados tanto com tiros quanto com o impulso já citado acima. Por ser em VR, tudo é muito intuitivo, com o único problema sendo os cinco minutos que se perde praticando o voo e também as ocasionais falhas de reconhecimento da câmera, que faz com que um círculo apareça no jogo mostrando que os movimentos não estão sendo capturados, tirando a imersão.

Eu ainda experienciei um bug bizarro onde as mãos do Homem de Ferro se esticaram e ficaram todas tortas na tela se mexendo... um verdadeiro show de horror em VR, lol. Porém isso é até comum e provavelmente será mitigado no jogo final.



Conclusão

Iron Man VR será uma grande experiência exclusiva da Sony, e certamente busca entregar algo que não seria tão legal se fosse um game comum. Tentativas frustradas de fazer um jogo do herói foram tentadas pela SEGA na geração passada, falhando três vezes em fazer um jogo bom. Aqui, temos um gameplay divertido, porém sem exploração muito extensa devido a plataforma em qual será lançado. Caso tenha ou pense em adquirir um PSVR, tenha em mente que essa talvez seja o ápice do acessório, ao menos no Playstation 4.



0 comentários:

Postar um comentário