Capcom Beat'em Up Bundle | Revivendo os clássicos - Arquivos do Woo

Capcom Beat'em Up Bundle | Revivendo os clássicos


Capcom Beat'em Up Bundle é aquela coletânea de jogos que certamente vai deixar os retrogamers empolgados, mas que pode causar estranheza nos mais jovens que não tiveram contatos com alguns dos 7 jogos que compõem essa coletânea. 

Porque nós das antigas adorávamos sair por ai derrotando tudo e a todos apenas com socos e voadoras - Ou utilizando Mechas, espadas e magias.

Claro, temos dois jogos que são figuras conhecidas, pelo menos para quem teve contato com um super nintendo, por outro lado a coletânea oferece mais 5 jogos que nunca deixaram os arcades, tornando a coletânea um item que merece a sua atenção e que certamente o deixará entorpecido pela nostalgia.

Curiosos? Me acompanhem!



Capcom Beat'em Up Bundle faz sentido se você busca conhecer grandes clássicos que ficaram restrito aos arcades, ou se busca vivenciar uma experiência completa de alguns títulos que ganharam versões caseiras como Captain Commando e Final Fight, mas que não proporcionavam a totalidade de sua versão original.

Porém, a mais nova coletânea da Capcom procura trazer conteúdo novo ao implementar o sistema online cooperativo, o que eleva a qualidade da coletânea ao tornar possível você entrarem partidas onlines seja com amigos ou mesmo criar salas abertas onde qualquer um pode adentrar o seu jogo ou vice-versa, trazendo para si um diferencial com relação as coletâneas anteriores.

Os jogos que compõem o bundle são: Final Fight (1989), Captain Commando (1991), Armored Warrior (1994), Warriors of Fate (1992), Battle Circuit (1997), Knights of the Round (1992) e The King of Dragons (1991).



Eu me considero um jogador de single player, simplesmente porque nunca dá certo de combinar as partidas com os amigos, o que faz com que essa possibilidade de entrar em salas a qualquer momento (ou criá-las) para jogar determinado título com mais pessoas uma excelente ideia.

Além do sistema online, Capcom Beat'em Up Bundle conta com uma galeria onde se encontra storyboards, rascunho e diversas artes do jogo. Um deleite para qualquer fã dessas pérolas do passado da Capcom - Eu pelo menos acho incrível ter acesso a esse tipo de conteúdo. 

Outra adição bacana é o fato de que você pode escolher se quer jogar a versão americana ou japonesa dos respectivos jogos. Caso você esteja se pergunta porque diabos essa seria uma adição interessante, saiba que alguns dos jogos presentes sofreram censuras em suas versões para o ocidente, enquanto suas versões japonesas originais continuaram intocadas. 

A possibilidade de optar por qual versão jogar foi uma ótima sacada diga-se de passagem.



Os mais puristas podem reclamar pelo fato dos jogos não terem sido remasterizados,rolou apenas uma conversão do formato antigo para rodar de forma gratificante nas TVs modernas. Não chega a ser um ponto negativo, uma vez que em nenhum momento foi anunciado um bundle de remasters, certo.

Agora se podemos apontar um problema, ele se encontra no mesmo sistema que elogiei lá em cima, as jogatinas onlines. - Que em teoria é ótimo mesmo -  que são sofríveis quando entramos em salas criadas por outros usuários ou quando entram na sua. Em algumas das minhas tentativas com Armored Warriors, consegui jogar pouco e sempre alguém desistia devido a instabilidade durante a partida.

Creio que seja algo que possa ser sanado em futuras atualizações, mas que em um primeiro momento compromete a diversão de quem não pode jogar coop local.




Por outro lado temos fichas infinitas permitindo que seja possível terminar os jogos facilmente. Oh, mas você deve tá balbuciando que isso diminui a dificuldade e etc.. de certo modo sim, porém, é possível personalizar as jogatinas antes de iniciarmos partida, no caso dificuldade, número de vidas, ganhar vida a cada numero X de escore e etc...

Cada jogo possui uma configuração pré-determinada, compete a você personalizar ao seu gosto ou encarar na dificuldade normal, exceto as fichas que são infinitas.


Pelo menos nos dá uma noção do quão comedor de fichas desses jogos foram nos fliperamas da época. Sério, Final Fight na dificuldade normal devora fichas em uma velocidade assustadora.



Capcom Beat'em Up Bundle no final das contas é uma coletânea que acerta em cheio ao trazer jogos até então desconhecido dos jovens, tornando-se uma porta de entrada para o gênero beat'em up que há muito tempo foi deixado de lado, mas não esquecido.

Ele pode cometer alguns erros no sistema online, mas se corrigido, sem dúvida alguma teremos uma excelente opção de jogatina coop com os amigos.


No final das contas, creio que a recepção desse bundle será um ótimo termômetro para a Capcom analisar se ainda existe espaço no coração dos gamers para jogos como esse. Se sim, acredito que poderemos conferir Cadillacs and Dinosaurs em um próximo bundle. E se você ficou animado, saiba que seu custo beneficio vale a pena e provavelmente vai te divertir bastante.

A coletânea Capcom Beat'em Up Bundle chegou no dia 18 de setembro aos consoles PlayStation 4, Xbox One (61 reais) e Nintendo Switch (19 dólares). A versão de PC continua sem uma data prevista.

O jogo foi analisado no Xbox One, com uma cópia cedida pela Capcom


No corpo desse artigo é possível conferir alguns dos gameplays que realizei através do nosso canal do Mixer. Sigam nosso canal: https://mixer.com/cyberwoo666 

0 comentários:

Postar um comentário