Dica para uma limpeza de baixa renda em seus cartuchos - Arquivos do Woo

Dica para uma limpeza de baixa renda em seus cartuchos


Olá pessoal! Sou o Juliano do canal Os Invasores Oficial e estou invadindo o Arquivos do Woo. sejam bem-vindo a esse humilde texto com minhas experiências, terapia e pouca paciência em retrogaming, mais precisamente, em limpeza e conservação de games.

Não.

Na verdade, não tenho muita paciência para utilizar produtos ou ter aquele cuidado extremo com as coisas, não que eu não cuide, mas vejam bem, eu sou ogro na limpeza, não estou nem aí se arrebenta a label ou se mancha a carcaça da fita.

Pra mim, o que importa é que funcione.

Bem, vamos começar do princípio: já faz muito tempo que eu havia comprado umas fitas, de Nintendo e compatíveis, Mega Drive e Master System e ficaram um bom tempo na escuridão do armário. Sim, eu fui cruel.

Como veio tudo de locadora, as fitas, em sua maioria vieram com muitas, mas muitas fitas e lacres adesivos. As fitas (ou cartuchos, como quiserem) que estavam mais ferradas, eram as de Mega Drive.

Mas enfim, eu já fiz a limpeza de boa parte das fitas, e resolvi mostrar pra vocês o andamento das coisas. Antes de começar é bom que fiquem sabendo que por enquanto, estou tirando apenas o “grude” das fitas com muitos lacres adesivos, provavelmente essas terão que ser lavadas com produtos diferentes e etc.


Vamos começar então mostrando as três fitas desse texto: temos aí a Mario Bros, que tem uns lacres nas laterais e está manchado o cinza da carcaça. Super Mario Bros, essa tá sinistra com adesivos e fita adesiva na label e ainda tem esse “coloque devagar” (você costumam colocar devagar, as fitas no console?), além disso ao abrir, veio de brinde esse pedaço de madeira pro chip não subir ao conectar no slot, provavelmente vou ter que substituir a carcaça, mas não agora. E por fim a Super Mario Bros 3 com a label parcialmente fodida. Todas as 3 fitas, eu já retirei as fitas adesivas e ficou o grude da cola nelas.



Enfim, depois de abrir as fitas, nas placas dos jogos eu passo um limpa contato, e depois eu coloco em uma carcaça extra que estou usando apenas para colocar as placas para testá-los antes de colocar em suas devidas carcaças. Para tirar o grude, como sou raiz, eu pego algodão e meto querosene sem dó na carcaça pra tirar o grude. 

Vamos então aos resultados: todas as três fitas funcionaram. Maravilha! É o mais importante de tudo. Depois, a Mario Bros ainda está com as manchas de fita adesiva, mas tirei o grude e salvei a label, então a princípio está ok. 




A Super Mario Bros, rasgou um pedaço da label, retirei os adesivos, o grude e ela ficou mais limpinha, essa quando for a hora de ganhar um relabel eu vou lavar e retirar toda a sujeira por completo, salvo se até lá eu já não tenha por aqui uma carcaça extra para substituir essa com a madeira dentro. Por fim, a Super Mario 3, tirei todo o grude mas visualmente, não mudou tanta coisa, está ainda com riscos de cola que não saiu na primeira limpeza, será outra fita que será preciso uma limpeza mais detalhada e provavelmente um relabel também. 







Uma curiosidade é que na parte traseira do Super Mario Bros, o adesivo que tem as recomendações de cuidados é da playtronic, em português, porém ao retirar a fita saiu um pedaço e por trás vemos o adesivo em inglês. Bem bizarro.



Bem, espero que tenham gostado desse relato de limpeza de baixa renda, e espero vocês na próxima aventura!





0 comentários:

Postar um comentário