12 de outubro de 2013

ESPECIAL DO DIA DAS CRIANÇAS | A NOITE DA JOGATINA DE ATARI

Esse meme foi criado pelo nosso amigo Breno do blog Desocupado, obrigado pelo convite amigo ^^


Hoje é dia de ganhar presente do papai e da mamãe, então hoje é permitido arrombar a porta do quarto dos seus pais e cobrar presente as 05:00, mas antes se acomode na cadeira, pois irei contar uma das minhas lembranças gamisticas.

Então prepare-se para chorar, sorrir e perceber que talvez o melhor da vida não seja só os presentes que você deseja.

Há um tempo atrás eu escrevi sobre meu o meu primeiro videogame, na verdade foi o meu primeiro contato com o mundo dos games, pois o console pertencia ao meu tio.

Claro, fiquei chateado com a partida do meu parceiro de finais de semana, o Master System era o único amigo que tinha e que não batia em mim, não me obrigava a comer peixe podre em frente as meninas da sala.

Malditos! EU ODEIO PEIXE!

Bem, depois de muito chorar e prender a respiração a ponto de me assemelhar a uma bola azul, meu pai decidiu que era hora de adquirir nosso próprio videogame.

Recordo o momento em que meu pai adentrara a sala com um Atari em mãos, ele parecia ter sido desenterrado, pobrezinho. Não me importei, logo tirei das mãos de meu papai e junto de meu irmão limpamos como se não houvesse amanhã, quer dizer, como se houvesse sim, queríamos jogar logo e antes do final de semana acabar.

Console limpo, instalado e com PACMAN rodando a todo vapor numa  TV de tubo 14 polegadas radicais e com base laranja fluorescente (Para não a perdermos no escuro), mas não era o suficiente, queríamos mais, então nos dirigimos até uma vídeo locadora.

Vídeo locadoras eram os programas favoritos da família dos anos 90, sinto muito por você não ter vivenciado esse momento, ter nascido após a morte do VHS é algo bem triste mesmo.


Quanta saudades
Ah! Tá tudo bem, não precisa fazer esse bico, acontece, tudo que é bom acaba, olha só o que a Steam esta...

Vai ficar de cara feia? Então senta ali no canto, por favor!

Humph!

Onde eu estava, Ah! Sim, vídeo locadoras, o programa familiar numero 1 nos anos noventa.

Entrar em uma vídeo locadora era energizante, milhares de crianças escolhendo seus cartuchos de Super Nintendo, Mega Drive, espiadas na sala proibida (Você sabe de qual sala estou falando hehehe).

Bons tempos!

Então perguntei ao atendente “Cadê os cartuchos do Atari” – O cara simplesmente fez uma cara do tipo “What?” e me voltou com uma caixa de sapatos recheadas de cartuchos. Não estavam em suas melhores condições e a expressão dele deixou claro que eu estava atrasado alguns anos na indústria de games.

Selecionei alguns títulos conhecidos, Enduro, Keystone Kapers, Pitfall e River Raid e saímos daquele lugar na velocidade da luz.

Naquela mesma noite nos reunimos em frente à nossa TV full hd  de 14 polegadas e atravessamos a madrugada jogando PitFall. Principalmente meu pai que se apossou dos controles, e minha mãe precisava intervir para tira-lo um pouco a todo momento.

Foi um daqueles momentos em minha vida que não desejava dormir, não queria que aquele momento terminasse. Olhava para meus pais e percebia que eles não simplesmente compraram aquele videogame surrado só para calar a minha boca, mas sim, queriam fazer parte daquele momento em minha vida.

Nunca irei me esquecer do dia em que ganhei o Atari do meu pai, nunca me esquecerei do dia que passamos jogando juntos em família.


Hoje tenho 28 anos, passamos por diversas desavenças, como qualquer outra família, mas sempre que olho para eles, percebo o quanto  amo minha família e reconheço sua importância.

Agora ao invés de arrombar a porta do quarto dos seus pais feito lunático, abra vagarosamente, pule na cama, abrace-os forte e os agradeça por terem lembrado do seu dia, mesmo que o presente não tenha sido aquele PS4 que você tanto queria.

Agradeça e diga o quanto os ama por tentar fazer da sua infância, uma das melhores lembranças da sua vida.



Participantes do MEME: DIA DAS CRIANÇAS


Interruptor Nerd 

- Lol Etc

Nostalgia Gamística

14 comentários:

  1. Daniel Campos12/10/2013 12:43

    Putz cara... que nostalgia que você me fez sentir quando falou das locadoras, eu nunca aluguei nenhum jogo na minha vida, mas, em compensação, toda sexta-feira, meu pai me dava 2 reais para eu ir na locadora e escolher a fita que eu quisesse, que muitas vezes eram a mesma das semanas anteriores, pois eu gostava de jogar os minigames que vinham nas fitas, especialmente uma, a das olimpíldas (tá escrito errado, eu sei) do pateta. Já a parte da sala proibida, aí foi já na época do DVD, quando eu, perdido na locadora, procurava meu pai, achei essa sala, e não sabia o que significava "erótico". Bom, obrigado aí por me lembrar dessa minha época de ouro, gostei muito do blog, você escreve bem cara!!

    ResponderExcluir
  2. Tsu Matsubara13/10/2013 13:21

    Parabéns pelo post, não só pela bela lembrança, mas pelo relato bem feito.

    ResponderExcluir
  3. Que post foda Woo, acho foderásticas essas postagens de "primeiro console". A gente se transporta pra telespectador na sala de quem está escrevendo e acaba até enxergando tudo ali, toda a alegria do momento mágico!

    Eu também agradeço a Deus pelos meus pais serem tão bacanas na época e me darem um Atari 2600, isso lá por 1988. eu acho. A minha alegria era Enduro e Pitfall, época inesquecível realmente!

    ResponderExcluir
  4. Mais um ótimo post e que saudade do meu falecido atari =/

    ResponderExcluir
  5. divulgablogsite muro15/10/2013 14:17

    Faça uma matéria sobre o muro e me envie, terei o maior prazer em colocar o link no site.

    Prazer, meu nome é Alexandre Lavrador e tenho 19 anos, criei o Muro mais famoso do Brasil, um site em que você cola o Banner do seu site por apenas 99,90 por espaço.

    Não é uma piada, o site já arrecadou R$16.017,30 até o presente momento e quero chegar ao meu primeiro milhão, para tal invisto todo o capital arrecadado pois acredito no triangulo (boa rentabilidade + tempo + capital inicial)!

    Imagine um muro em que todos os olhares estão voltados para ele.
    ..
    Este muro já existe, recebemos uma média de 7 milhões de visitantes por dia e já existe banner com 185.135.001 de cliques!

    Alguns ilustres webmasters como Antonio Tabet do Blog Kibeloco, Cid do Blog Não Salvo, Joe do Blog Ah Negão, Azaghâl do Site Jovem Nerd dentre outros, deixaram seus depoimentos!

    Não deixe de conhecer o muro mais famoso da internet!

    www.divulgablogsite.com

    Fale comigo

    ResponderExcluir
  6. Muito obrigado Juan, fico muito feliz com suas visitas! Tenho certeza de que seu Atari esta em um lugar melhor.


    O meu Atari desse tempo, também queimou =/

    ResponderExcluir
  7. Obrigado Cosmão!


    Eu curto demais esse tipo de postagem também, a galera que participou mandou bem demais nos relatos. Gostaria muito de ler o seu relato qualquer hora no Shugames (Caso o queira fazer, é só comunicar e linko você aqui), tenho certeza que será foda!


    Meus pais são demais, não seria um terço da pessoa que sou hoje sem o incentivo deles com relação a games.

    Enduro jogavamos demais com meus pais, mas o que prendia a galera mesmo era Pitfall e River Raid. hahaha!


    Grande abraço amigo e volte sempre! ^^

    ResponderExcluir
  8. Obrigado Breno! Também sou uma manteiga derretida, estamos em casa bro o/


    É ótimo quando a família interage com algo que gostamos, principalmente GAMES.


    Atualmente é muito difícil ver algo do tipo, ao menos não vejo mais e quero muito o fazer com meus filhos (ainda não nascidos e programados para o futuro xD), tenho certeza que essa lembrança será marcante para o desenvolvimento deles.


    Sou reservado, mas não me arrisco em games de dança, tenho pavor hahahahahaha!


    Grande abraço bro!

    ResponderExcluir
  9. Maninho, to rachando ainda com o "Não sabia que o que significava erótico" hahahahaha! Acontece hahaha!


    Foram bons tempos aquele, tudo era mais inocente naqueles tempos, não rolava toda a pressão de politicamente correto.


    Os videocassete eram terríveis,sempre acontecia de algum aparelho com pouca manutenção mastigar a fita hahahaha!


    Muito obrigado pelo comentário e volte sempre maninho! ^^

    ResponderExcluir
  10. Muito obrigado pelo o elogio Tsu!


    Fico imensamente feliz que tenha gostado, esta convidada a me visitar sempre ^^

    ResponderExcluir
  11. na verdade eu tive dois, um foi assassinado por um copo de refrigerante e outro morreu por causas naturais =/

    ResponderExcluir
  12. Valeu Marvox! Desculpa a demora, estou respondendo hoje os comentários, hahaha! Mega Atrasado xD


    Gostei mais do Atari naqueles tempos, hoje tenho um carinho muito grande, mas não sou tão fascinado quanto antes, maldito tempo! hahaha!

    ResponderExcluir
  13. Cara, eu tenho o velho Atari 2600 do meu pai até hoje. Está guardado, e com os 16 cartuchos intactos aqui, pena que não tenho controle, só falta isso para o videogame servir para jogar rsrsrs... gosto D+ e lembro muita coisa da época. Ficou muito legal o seu post mano Cyber, é isso aê!! Relembrar é viveeer!

    ResponderExcluir
  14. Ótimo post, Woo. Não é tão difícil surtir esse tipo de efeito em mim, mas eu me emocionei lendo seu texto.


    Acho que a experiência em família com games mais próxima da sua que eu já tive foi quando ganhei meu Wii. Um dos baratos do "antigo" console da Nintendo é que qualquer um (qualquer um MESMO) consegue jogar, e toda a família (com exceção do meu pai, que nunca curtiu games e deveria estar dormindo nessas horas) aparecia aqui em casa pra tirar uma lasquinha do vídeo game novo. A alegria que galera passava era tamanha que até eu, reservado como sou, arriscava alguns passinhos no Just Dance. xD

    ResponderExcluir